coupon code for myntra

flipkart voucher code

abof.com coupon

globalnin.com

PROGRAMA GUARDIÃO RURAL É INSTALADO NO LAGO OESTE

 em Manchetes, Notícias
Comandante do BP Rural entrega placa ao Adílio, morador da Rua 09

Em reunião com diretores da Asproeste e membros da comunidade do Lago Oeste, o comandante do Batalhão Rural da Polícia Militar do DF fez a instalação oficial do Programa Guardião Rural na região. Na ocasião, foram entregues 18 placas (pagas por ocupantes de chácaras), que serão instaladas em diversas ruas do Lago Oeste indicando que aquela área está sob monitoramento do Batalhão Rural.

O comandante do BP Rural, Major Rafael Branquinho, fez uma exposição sobre o trabalho que vem sendo desenvolvido em toda a área rural do DF, com resultados significativos exatamente porque o Programa permitiu uma integração forte entre os policiais e as comunidades onde ele já foi implementado.

Explicou que, para participar do Guardião Rural, os chacareiros têm que se cadastrar através dos números 99503-4781 (Whats’App) ou 3190-7100, ficando, então, em contato direto com o Batalhão Rural, podendo acioná-lo em qualquer situação relativa à segurança pessoal e da chácara. Quanto a nova rodada de distribuição de placas, ela ocorrerá novamente em 2022. A colocação da placa na chácara possibilita que todos os moradores e bens sejam cadastrados e passam a ser acessíveis pelas forças de segurança no QRCode da placa. O processo de cadastramento ocorre com uma visita da equipe do Guardião à propriedade.

Aberta a palavra aos participantes, foram vários os problemas de segurança na região levantados, todos abordados com tranquilidade pelo Major Rafael, esclarecendo o papel do Batalhão Rural para combatê-los, fosse o desrespeito à lei do silêncio, fosse a possível existência de bocas de fumo em alguma área, fosse o excesso de velocidade nas ruas internas e na DF-01.

Alertou ele que uma chamada para o Guardião Rural pode ser atendida com maior agilidade, mas que ela não exime um denunciante de sua responsabilidade como tal diante dos policiais. Estes vão ao local denunciado e, constatando a irregularidade, emitem o TCO – Termo Circunstanciado de Ocorrência e tomam as providências cabíveis, dirigindo-se, depois, ao endereço do denunciante para colher seu testemunho. Ou seja: se não houver necessidade de comparecimento a uma Delegacia Policial, não há risco do denunciado saber de onde partiu a denúncia.

Major Rafael explica funcionamento do Programa Guardião Rural

 

Presidente da Asproeste informa
problemas recorrentes no Lago Oeste
Contact Us

We're not around right now. But you can send us an email and we'll get back to you, asap.

Not readable? Change text.

Start typing and press Enter to search